Recomendação da semana: Hideout

Olá. Eu, Daisuke, venho lhes trazer a recomendação dessa semana.

Como já devem ter percebido graças a alguns textos de minha autoria, adoro obras de horror e terror. Desde obras mais simples e repletas de fantasia, como o competente Não tenha medo do escuro, até as complexamente brutais, repletas de bizarrice, como A Centopeia Humana. Não sou grande entendedor deste universo sombrio da ficção (E que em muitos casos, vai além dela), mas o admiro muito.

Obviamente, já li mangás do tipo, e existem, inclusive, textos neste blog sobre eles. Mas sem mais enrolação, o mangá que eu recomendarei hoje é Hideout, de Masasumi Kakizaki, publicado na Big Comic Spirits em 2010. A série contém nove capítulos, e um volume encadernado.

Hideout tem uma história simples, e até clichê. Seiichi e Miki são um casal, e decidem fazer uma viagem com a intenção de relaxar um pouco, e ter um “recomeço” em sua relação, e na própria vida. O casal havia perdido seu único filho, Jun, há algum tempo, e vivem culpando um ao outro pelo ocorrido.

Seiichi é também um escritor, e em meio a uma crise pessoal e profissional tão grande, e tendo de aturar uma imensa pressão sua esposa, decide dar um fim nisso. O homem vai recomeçar sua vida a partir do ponto em que sua esposa for morta por suas próprias mãos.

Quando o homem inicia o seu plano, e começa a perseguir a mulher pela ilha, ela acaba por entrar em uma caverna. Seiichi a segue até lá, e atenta contra a vida de Miki, atacando-lhe. Após isso, ele percebe que não está sozinho neste lugar. Uma prisioneira, e duas criaturas bizarras estão por ali. Aí começa uma luta pela sobrevivência dentro da caverna, com o protagonista tendo sua vida ameaçada por uma dessas grotescas entidades.

Hideout é um mangá bem interessante. Ele tem uma história deveras clichê, mas ela se desenvolve de maneira impressionante, prendendo o leitor com facilidade. O clima apresentado na série pode proporcionar momentos bem intensos

A arte também ajuda a criar a atmosfera perfeita, porque ela é maravilhosa! Detalhista, bonita e competente. Páginas duplas e cenas de tirar o fôlego são encontradas aos montes neste mangá. Algumas cenas (poucas, para falar a verdade) são um pouco confusas, porque o autor cria páginas com cenários bem escuros, e coisas do tipo. A arte é um dos pontos fortes da obra, sem dúvida alguma.

As personagens não foram feitas para esbanjar complexidade por aí, mas também não integram o grupo de protagonistas desleixados de obras de terror, longe disso. Aliás, Seiichi é incrivelmente complexo para um mangá do gênero, que ainda por cima possui apenas nove capítulos (!). Para tal complexidade ser composta, é utilizada uma técnica interessante por parte do autor: Cada capítulo (com algumas exceções) é dividido em duas partes: Uma delas apresenta o que está acontecendo com as personagens na ilha, e a outra mostra coisas importantes do passado do elenco. Graças a isso, podemos nos angustiar com os dramas dele, e entrarmos ainda mais na atmosfera da obra.

Outro ponto a se destacar é o final da obra, que me agradou bastante. É criativo e nos faz pensar sob o efeito de que substâncias estava o autor ao planejá-lo. Hideout é um mangá de qualidade, que eu recomendo. Selo Mangathering de qualidade (Isso quer dizer alguma coisa?).

Anúncios

Sobre Daisuke~

Amante de cinema (e de arte e entretenimento de forma geral), adora escrever sobre filmes, livros, mangás, etc.

Publicado em junho 14, 2012, em Recomendação da Semana e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Daniel (?!?!?!?!)

    opa, já sei o proximo que vou ler. parece bem interessante

  1. Pingback: #Mangathering1ANO Review: Ibitsu « Mangathering | 1 ANO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: