Recomendação da Semana: Cross Game

Eu estou meio que forçando um pouco ao recomendar um mangá de 17 volumes na recomendação da semana, mas vamos lá.

Cross Game é um mangá do renomadÍSSIMO Mitsuru Adachi, que criou obras clássicas como Touch, além de um número imenso de mangás de esporte (principalmente Baseball). A mangagrafia dele é muito extensa (Você pode conferir aqui), e não há dúvidas que ele é um dos maiores quadrinistas do Japão.

Cross Game é um mangá razoavelmente recente dele, sendo lançado de 2005 até 2008 na Shonen Sunday, revista que publicou os maiores sucessos dele.

A história segue a vida de Koh Kitamura, um jovem praticante de baseball, e grande amigo da família Tsukishima, e suas 4 irmãs (Duas com a faixa etária dele, uma mais velha e uma criança). Ele tem uma relação em especial com Wakaba, que nasceu exatamente no mesmo dia que ele, e é sua melhor amiga.

O mangá segue um clima slice-of-life, característico do Adachi, pelos primeiros capítulos, mas logo temos uma mudança do status quo da série que passará a desenvolver o enredo.

O mangá é uma típica obra do Adachi, porém com toda a qualidade que se espera. Com o tempo, o mangaka já deu muitas provas de que é um mestre em fazer mangás colegiais de baseball (Que no Japão, aparenta ser quase um gênero a parte, visto que o baseball é um dos (se não o) esporte mais popular por lá).

O fator slice-of-life do Adachi está lá, como sempre. E é incrivelmente bem feito, como o Adachi consegue fazer nos interessarmos pela vida dos personagens, e desenvolvendo bem praticamente todos, até os que parecem não ter nenhuma função importante na história. Falando nisso, ele conseguiu criar um alto número de personagens carismáticos.

É dito que a parte de mangás de esportes dos mangás dele são um pouco renegadas a favor do desenvolvimento dos personagens (e talvez isso seja verdade), mas Cross Game também funciona bem como um mangá de esportes, seja por criar conflitos interessantes no time ou quanto a basicamente os jogos em si, que sim, conseguem ser empolgantes.

De forma geral, é um mangá bem carismático, com uma narrativa excelente, e uma leitura muito agradável. O mangá talvez merecesse um post mais detalhado, porém minhas memórias quanto ao mangá estão um pouco fracas para isso ser possível no momento. Esse texto só tem como função avisá-los de que esse é um mangá que merece ser lido.

Anúncios

Publicado em novembro 8, 2012, em Recomendação da Semana e marcado como , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: