Arquivos do Blog

Primeiras impressões: Another

Pois é, como eu disse no post sobre Zero no Tsukaima: F, apenas dois animes dessa temporada têm minha audiência confirmada. Another é um deles, e seu primeiro episódio mostra bem o porquê.


Another é um anime baseado na série de livros homônima, escrita pelo marido da autora de Shiki, cujo anime é um dos favoritos do Luki. Em 1972, uma popular aluna da turma 91-3 do colégio Tomoiyama, Misaki, morre. Então os seus companheiros de classe passam a agir como se a jovem ainda estivesse entre eles até a formatura.

Já em 1998, o jovem Sakikabara Kouichi é matriculado nesse colégio, mas teve de começar o ano letivo depois dos outros alunos devido a problemas de saúde. No hospital onde estava internado, alguns alunos de sua turma vão visitá-lo, são eles Sakuragi Yukari, Izumi Akazawa e Kazami.

No elevador do hospital, Kouichi se encontra com uma garota de tapa-olho usando o uniforme do colégio. Quando questionada sobre o que estava fazendo, apenas disse que tinha que entregar algo. O garoto pergunta seu nome, e ela responde. Misaki Mei.

Depois disso, o primeiro dia de Kouichi na escola nova é mostrado. Impressionante é que a série parece ser lenta, mas tudo isso aconteceu em pouco mais de dez minutos. Talvez a maneira de contar a história pareça devagar.

Mesmo que durante o primeiro episódio não tenham ocorrido tantas coisas misteriosas e importantes, é impossível não ficar curioso. Ainda na metade do episódio você se encontrará babando e implorando por mais. Episódio conduzido de maneira excelente.

A série tem um clima misterioso que, embora esperado, surpreende. E a música de abertura combina bem com esse clima. Mais uma música característica do ALI PROJECT, que também teve participações em outros animes famosos, como Code Geass, meu anime favorito. A música de encerramento é muito bonita e agradável.

A arte é belíssima, sem dúvidas, um dos destaques do anime! A animação também faz jus à arte, e também é muito boa. No geral, a parte técnica deste anime é excelente.

Another realmente promete não ser mais um anime dessa temporada (Não foi uma piada) e ser um dos destaques, se não “o destaque”. Os outros episódios devem ser ainda melhores do que esse, devido às explicações sobre a trama e o desenvolvimento dos personagens. Pelo menos é o que eu espero.

Temporada de Animes Janeiro 2012: Análise pré-estreias

Em janeiro, como sempre, temos uma nova temporada de animes chegando. Eu não acompanho uma temporada de animes desde março, e não termino um anime de uma desde Outubro, mas curiosamente, o blog me motivou a escrever sobre uma, e isso coincidiu com uma volta a motivação pra pegar um anime e assistir. Então, nesse post irei falar as impressões iniciais que a lista de animes me deu.

(clique na imagem e depois, aumente para vê-la com o tamanho original)

Antes de tudo, eu não tenho um conhecimento muito grande quanto a estúdios, orçamentos, seiyuus ou diretores, para fazer uma previsão mais acurada de um anime. As opiniões geralmente não envolverão esses fatores.

Segundo essa lista, teremos vinte e quatro animes novos sendo lançados pra TV durante o mês de janeiro. (Sim, tem 28 animes na lista, mas 3 já estrearam e um estreia em fevereiro. Como nenhum me interessa, preferi não comentá-los) A primeira coisa notada por mim foi que há um número de continuações bastante alto. Dessas 24, são sete, mais um re-run de Nichijou e a versão para TV de Black Rock Shooter. Ou seja, teremos 15 animes que são algo de novo em animação. Desses quinze, três são baseados em um mangá 4-koma (de tirinhas em quatro quadros),  4 são baseados em mangás “normais” , um é baseado em um web-mangá, três são baseados em Light Novels (Livros com uma linguagem fácil, geralmente ilustrados com imagens estilo mangá), um é baseado em um livro e três são produções originais.

Quanto as continuações, algumas são provavelmente bem esperadas, como a continuação do aclamado Bakemonogatari, o novo anime do famoso Prince of Tennis e a quarta temporada de Natsume Yuujinchou, que já é um anime bem reconhecido. Outras devem ter agradado um bom numero de pessoas também, como a quarta temporada de Zero no Tsukaima, e a continuação de Amagami SS (Anime que eu, particularmente, não gostei). Dessas, eu vou assistir somente e talvez, Zero no Tsukaima, que eu vi há dois anos e meio…

Das outras obras, poucas me interessaram. Farei alguns pequenos comentários sobre as séries que pretendo ver, em ordem de prioridade.

Area no Kishi

O mangá mais “mainstream” virando anime, Area no Kishi, da Shonen Magazine é um mangá que gosto bastante. Porém, as imagens disponíveis do anime foram…. decepcionantes. O estúdio também não me parece muito bom, mas quem sabe o anime não surpreenda. Esse eu vou conferir obrigatoriamente, mesmo que sem altas expectativas. Mas puramente pela história, ele é muito bom.

Another

Achei a premissa da série bem interessante, e a arte da série parece bem feita. O estúdio é o mesmo que fez Angel Beats, e isso não é ruim. A história é baseada em um livro (Que deu origem a um mangá publicado na Young Ace) feito pelo marido da autora de Shiki (O livro), que deu origem a um de meus animes favoritos. Isso é bem curioso e me deu vontade de ler o mangá/assistir o anime. Não estou 100% certo de que vou conferir, mas me parece um bom anime. Acho que é o único que foi um pouco hypado pelo fandom, veremos se com razão.

Danshi Koukousei no Nichijou

Um anime slice of life da Sunrise por si só já é algo curioso. As informações dadas fazem parecer que é uma boa comédia, e tem como diretor o diretor de Gintama! Há boas chances de sair algo bom. Essa é a última série com chances altas de eu ver.

Ano Natsu no Matteru

AnoHana (Não, não escreverei o nome inteiro aqui) foi um anime que fez bastante sucesso no fandom, e que eu gostei, mas ainda não terminei. Essa obra é do mesmo diretor, e isso já é algo que me interessou. A arte pareceu bonita também. Não sei se vou ver, depende do meu humor, mas tem chances de ser um bom anime.

Brave 10

É o anime de porrada da temporada. Não tenho muito interesse, mas talvez eu veja por curiosidade.

Mouretsu Pirates

Eu não espero nada dessa série, mas não duvido que ela possa ser um anime bem divertido. É difícil que eu veja, mas se os comentários forem positivos…

Essas são as 6 séries que tem alguma chance de serem assistidas por mim, sendo que provavelmente só duas ou três serão de fato. Não há muitas obras que despertam expectativas, e os animes originais, que normalmente são o que eu mais procuro, não me agradaram a primeira vista. Veremos como ela vai se desenrolar.