Arquivos do Blog

Review: Os 120 Dias de Sodoma (livro)

0
Certamente, o leitor já informado sobre a obra abordada neste post sabe que, definitivamente, Os 120 Dias de Sodoma, magnum opus de Donatien Alphonse François, imortalizado sob o título de Marquês de Sade, não é um livro para qualquer um. Obviamente, há quem nunca tenha ouvido falar desta pérola marginal da literatura e do polêmico francês que a assina, portanto, segue uma pequena introdução sobre o marquês.

Leia o resto deste post

Anúncios

Especial de Halloween- Review: Panorama do Inferno


Olá! Hoje, dia 31 de Outubro, é Halloween! E para celebrar esta data, decidi preparar dois posts temáticos sobre obras mais obscuras, e ambos serão postados hoje. No primeiro post de hoje, apresento-lhes Panorama do Inferno (Panorama of Hell), de Hideshi Hino.

Aqui no ocidente, o nome de Hideshi Hino não é tão forte dentre os autores de horror, pelo menos não tanto quanto o nosso querido Junji Ito. Porém, sempre ouvi falar do autor, e sempre mantive certa curiosidade acerca de suas obras. Então, encontrei um mangá dele, que foi lançado em terras tupiniquins pela Conrad. Ah, Conrad… Leia o resto deste post

Review: Basilisk

Quando você, estimado leitor, achou que eu havia sumido, eu apareço aqui com um novo texto para provar que sou um menino mudado. E não é uma recomendação fuleira de três parágrafos: é uma review sobre um anime sensacional, com lá seus já manjados artifícios de um anime de ação, mas que consegue mesmo dentro de todos esses clichês ser extremamente criativo e bem desenvolvido. E o anime em questão é Basilisk Kouga Ninpouchou, do famoso estúdio GONZO, sob direção de Fumitomo Kisaki.

Leia o resto deste post

Review: Adeus, Lênin!

Olhem só quem resolveu dar as caras! Isso mesmo, estimado leitor, eu ainda faço parte desta equipe, feliz ou infelizmente, não fui substituído nem nada do tipo, a equipe foi simplesmente reforçada, e muito bem reforçada, diga-se de passagem. Sumi por motivos pessoais, a vida na cidade grande anda me consumindo, de modo que quando pude voltar pra cá, ainda tive de resolver algumas pendências no sindicato dos blogueiros, instituição muito burocrática, por sinal.E, bom, não vou prometer nada como na minha última aparição além do máximo que eu puder escrever, afinal, ainda preciso passar de ano. Mas vamos logo ao que interessa: meu texto.

Leia o resto deste post