Arquivos do Blog

Série Temática do Mangathering #4 – Mangás de Horror – [2/4 – Danilo – Goth]

E hoje começamos de vez mais uma Série Temática, Mangatheiros de todo o mundo. E começamos com o pé direito. Aliás, não só começamos, a recomendação de hoje é quase que perneta, não há pés esquerdos nessa que eu vejo como a obra mais impecável que eu li/vi desde que entrei nesse mundo de altas otakices. Logicamente tem suas falhas, se não tivesse, eu não estaria aqui escrevendo esse texto, já teria pegado um avião em direção ao Japão pra pedir mais capítulos (infelizmente são só 5). Mas analisando o geral, é incrível, a começar pelos traços. Acho que eu realmente não sabia o que era um bom traço antes de ler esse mangá. É de uma clareza extrema, cenas que muito provavelmente sairiam meio confusas se feitas por um Zé Mangá qualquer, em GOTH (que é uma adaptação de um livro feito por Otsuichi), graças ao grande Kenji Ooiwa, tornam-se de fácil compreensão . Como se não bastasse toda essa qualidade de traço, a trama é muito bem estruturada. Aproveitando o gancho, permitam-me explicar do que se trata o mangá.

Leia o resto deste post

Recomendação da Semana: Mirai Nikki (Ou “A Yandere e o Inútil”)

Olá a todos… os mosquitos que estão perto de mim enquanto digito este post. Continuando as recomendações semanais hoje, já que o Daisuke falou de NHK na última, falarei de um mangá que foi publicado na mesma revista (A Shonen Ace): Mirai Nikki.

Mirai Nikki, é um mangá de Esuno Sakae, com a duração de 59 capítulos, compilados em 12 volumes. É de um gênero de mangá que eu gosto bastante, que é o de Survival Game (basicamente, um mangá cuja história envolve um personagem sendo jogado em uma competição ou algo no estilo, valendo a própria vida. Outros exemplos são Battle Royale ou Enigma). Foi isso que me fez querer ler a obra.

Prosseguindo, Mirai Nikki (Que, numa tradução livre, seria “Diário do Futuro”) conta a história de Amano Yukiteru, um garoto antisocial que tem o hábito de registrar todos os acontecimentos por ele presenciados em seu celular, como em um diário. Só que numa manhã, ao acordar, ele vê que os acontecimentos daquele dia já estavam escritos em seu

celular. Obviamente, no começo ele não acredita, mas conforme o dia vai seguindo, ele percebe que o que estava escrito realmente aconteceu. Pouco depois, ele descobre, por meio do que ele pensava ser seu amigo imaginário, Deus Ex-Machina (Sim, é esse o nome!) que ele é um dos 12 participantes de uma competição organizada por Deus para decidir quem seria seu sucessor, e que se o diário dele fosse destruído, ele morreria. Os outros participantes também possuem um diário cada, mas cada um dos diários prevê o futuro de forma diferente. Uma das participantes é Gasai Yuno, uma garota que é OBSESSIVAMENTE apaixonada por Yuki. Não se atreva a chegar perto dele se você valoriza sua vida.

A partir daí, a história se desenvolve, mostrando a competição e o confronto entre Yuki e os outros 12 portadores de diário. A narrativa do mangá é bem feita, a leitura passa rápido e algumas cenas são bem empolgantes. Mais ou menos na metade do mangá, ele engrena bastante e faz você querer ler vários capítulos em sequencia. Os outros personagens são bem únicos e estranhos, e as formas como cada um luta e como cada diário funciona são bem criativas. O traço não é fantástico, mas conta a história de uma forma bem favorável, e consegue criar cenas muito bonitas, e talvez até épicas.

O mangá não é uma obra-prima, apesar de tudo. O enredo é mal-conduzido em diversos momentos, há situações na obra que se forem lidas com um senso crítico maior podem acabar incomodando. Foi mencionado antes que o mangá engrena na metade, mas esse ritmo não se mantém sempre, tendo partes mais entediantes e o final, apesar de não ser ruim, não é nada… especial. Mas se você não estiver esperando uma obra genial e se gosta de Survival Games, você irá se divertir bastante lendo Mirai Nikki.

PS: Mirai Nikki ganhou uma adaptação em anime recentemente, em outubro, que ainda está sendo exibida. Eu não a vi, então não posso dizer nada quanto a qualidade da mesma.PS²: Uma Yandere seria uma personagem que é tão apaixonada por outro personagem que chega ao ponto de ser obsessiva, frequentemente violenta e geralmente de mente perturbada. Ou seja: A Yuno.